Home > Coronavírus > Teremos uma vacinação muito sofrida, diz Prates ao criticar cronograma do Ministério da Saúde

Teremos uma vacinação muito sofrida, diz Prates ao criticar cronograma do Ministério da Saúde

O secretário municipal de Saúde, Leo Prates, disse nesta quarta-feira (28) que Salvador certamente terá uma vacinação muito lenta diante dos sucessivos atrasos do governo federal no envio de imunizantes contra a Covid-19. Segundo o secretário, apesar do planejamento de governo e prefeitura para acelerar o processo, a vacinação dos grupos prioritários — cerca de 690 mil pessoas —, por exemplo, só deve ser concluída até o fim do ano, já que o Ministério da Saúde prevê entregar até setembro 250 mil doses de vacinas destinadas a esse público.

“Uma vacinação que, em média, poderia durar seis meses vai aí durar o ano inteiro, na nossa expectativa, na melhor das hipóteses. Realmente vai ser uma vacinação muito lenta, muito sofrida pra todos nós”, declarou ele em entrevista à rádio Metrópole.

Na avaliação de Prates, houve um equívoco do governo federal ao orientar que estados e municípios aplicassem todos os seus estoques. Inicialmente, a pasta enviava as vacinas com uma recomendação para que os gestores locais guardassem a segunda dose, mas desde março a pasta passou a sinalizar que todas as vacinas recebidas fossem aplicadas de imediato como primeira dose, com a promessa de envios posteriores para a segunda — o que tem sido prejudicado pelo atraso nos insumos.

Agora, tendo novamente de lidar com a escassez de vacinas, desta vez a CoronaVac, a capital deve atrasar a aplicação da segunda dose em ao menos 31 mil pessoas, público que deveria ser vacinado no sábado (1º) e domingo (2). Na terça (27), o Ministério da Saúde prometeu que enviará na próxima semana as vacinas pendentes para concluir a imunização.

“A gente tem a aplicação de CoronaVac garantida até sexta-feira. O problema é que o ministério está dizendo que só deve entregar o segundo lote de CoronaVac para a segunda dose. Mesmo se ele entregar para a primeira dose, primeiro eu vou dar prioridade e zerar esse estoque reprimido de segundas doses que devem ficar”, explicou o secretário.

Ele afirma, por outro lado, que a segunda dose do imunizante da AstraZeneca/Oxford está garantida até 7 de maio.

Sobre 71 Notícias

O 71 Notícias é um site contemporâneo, que traz para você os bastidores das notícias baianas e permite uma visão ampla sobre o cotidiano da Bahia e do Brasil.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Inscrições para a 1ª etapa do Revalida começam nesta segunda-feira

As inscrições para a primeira etapa do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituição de Educação Superior ...