Home > DESTAQUES > Suspensão do Carnaval afeta camada mais pobre da população, diz Fábio Mota

Suspensão do Carnaval afeta camada mais pobre da população, diz Fábio Mota

O secretário de Cultura e Turismo de Salvador, Fábio Mota lamentou, nesta quarta-feira (24), a demora na definição para a realização do Carnaval em 2022. Em contato com o 71 Notícias, o titular da pasta salientou a importância da festa para a economia soteropolitana.

“Muda muito [caso não tenha o Carnaval]. Estamos falando de R$ 1,8 bilhão que o Carnaval gere. Estamos falando de empregos sazonais. Empregos que são específicos do Carnaval, com camadas da população que têm uma necessidade maior, como cordeiros e ambulantes, a pessoa que costura o abadá, enfim, uma cadeia de serviços. A prefeitura perde muito economicamente com isso e evidentemente a hotelaria também. O setor da hotelaria diz que o Carnaval representa pra eles o 13º salário do ano”, disse.

Nos últimos dias, o prefeito de Salvador Bruno Reis (DEM) voltou a demonstrar interesse em realizar uma reunião com o governador Rui Costa (PT), ainda em novembro, para definir a realização do Carnaval no próximo ano.

“Acima disso tudo está a vida das pessoas. Estamos aguardando a definição dos órgãos de saúde pública, após a conversa do governador com o prefeito, para que a gente possa assim dar sequência ao debate”, completou Mota.

Sobre 71 Notícias

O 71 Notícias é um site contemporâneo, que traz para você os bastidores das notícias baianas e permite uma visão ampla sobre o cotidiano da Bahia e do Brasil.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Defensorias questionam à Prefeitura exigência de documentos para vacinação infantil

A Defensoria Pública da União e a Defensoria Pública do Estado solicitaram da Prefeitura de Salvador e da Secretaria Municipal ...