Home > Bahia > ‘Não acredito que seja possível’, diz Vilas-Boas sobre réveillon

‘Não acredito que seja possível’, diz Vilas-Boas sobre réveillon

O secretário de Saúde Fábio Vilas-Boas acredita que são poucas as chances de ter réveillon na Bahia. Em entrevista para o jornal A Tarde, o secretário disse que a realização de festas de grande porte vai depender do ritmo da vacinação.

“Réveillon eu particularmente não acredito que seja possível. Vai depender muito da velocidade da vacinação. A gente tem visto o Ministério avançar e recuar várias vezes, a gente não tem um cronograma, um calendário vacinal confiável”, afirmou Vilas-Boas.

Já sobre o carnaval, o secretário voltou a pregar cautela. “Eu acho que o carnaval ainda é cedo para se tomar uma decisão […] Talvez só 60 dias antes vamos ter condições claras de definir alguma coisa sobre o réveillon e o carnaval”, opinou.

Ainda sobre o carnaval, Vilas-Boas discorda da sugestão do secretário de Saúde de Salvador, Leo Prates, em priorizar a festa de forma indoor, ou seja, em ambientes fechados. “A última coisa que a gente quer é um carnaval entre quatro paredes, num salão. O contágio vai ser muito maior. Se tiver que ter carnaval, tem que ser na rua mesmo, ao ar livre, ventilado, sem camarote do lado do mar para que o vento da praia venha e espalhe, dilua o número de partículas virais. Um carnaval tem que partir desse princípio básico de ser num lugar extremamente ventilado e com poucas pessoas por metro quadrado. Jamais indoor”, pontuou.

Sobre 71 Notícias

O 71 Notícias é um site contemporâneo, que traz para você os bastidores das notícias baianas e permite uma visão ampla sobre o cotidiano da Bahia e do Brasil.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Prefeitura vai abrir cadastro de segunda dose para quem se vacinou em outros municípios

Nesta sexta-feira (15), em entrevista à Rádio Metropole, o secretário municipal da Saúde (SMS), Leo Prates, anunciou que Salvador vai ...