Home > Bahia > Em audiência na Câmara, Solla pede que Ministério da Saúde tome frente para autorizar Sputnik V

Em audiência na Câmara, Solla pede que Ministério da Saúde tome frente para autorizar Sputnik V

Um dia após a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) barrar a importação da vacina russa Sputnik V contra a Covid-19, o deputado federal Jorge Solla (PT-BA) defendeu nesta terça-feira (27) que o Ministério da Saúde tome a frente da decisão de autorizar o uso do imunizante na população brasileira.

“Considerando que não há relatos de efeitos colaterais com a Sputnik V; que há referências da eficácia dessa vacina onde foi aplicada; considerando que estamos com uma epidemia completamente descontrolada no país, com 3 mil mortos por dia, vamos botar na balança e pesar: qual é o risco real da utilização da Sputnik V nas condições que estamos vivendo hoje? E o risco real de, ao atrasarmos mais a cobertura vacinal, aumentarmos em milhares o número de mortos em nosso país? […] Me parece que os benefícios são infinitamente maiores que os riscos”, pontuou Solla, em audiência pública na Câmara dos Deputados que debateu impasses para a aquisição das doses russas por parte dos governadores do Nordeste e da União.

Ao negar a compra da Sputnik V, a Anvisa alegou ausência de documentos exigidos para aprovação de uma vacina no país. Na audiência, o governador do Piauí e presidente do Consórcio Nordeste, Wellington Dias (PT), contou que se reuniu com autoridades russas nesta manhã e os representantes se comprometeram a enviar à agência reguladora brasileira os dados restantes.

“Eles se colocaram à disposição de enviar outros documentos. Há vários estudos demonstrando não só baixos efeitos colaterais, demonstrando segurança, e também elevado índice de eficácia, que aponta condições de imunização coletiva”, defendeu o governador. Ele destacou ainda que o Consórcio Nordeste possui contrato para a compra de 37,5 milhões de doses da Sputnik V.

Sobre 71 Notícias

O 71 Notícias é um site contemporâneo, que traz para você os bastidores das notícias baianas e permite uma visão ampla sobre o cotidiano da Bahia e do Brasil.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Prefeitura vai abrir cadastro de segunda dose para quem se vacinou em outros municípios

Nesta sexta-feira (15), em entrevista à Rádio Metropole, o secretário municipal da Saúde (SMS), Leo Prates, anunciou que Salvador vai ...