Home > Bahia > Bira Corôa reivindica vacina para trabalhadores da linha de frente da pandemia

Bira Corôa reivindica vacina para trabalhadores da linha de frente da pandemia

Ampliar a vacinação para trabalhadores da linha de frente na pandemia e auxilio emergencial para classe trabalhadora foi uma das principais pautas debatida entre o deputado estadual Bira Corôa (PT- BA) e senador Jaques Wagner (PT-BA) ontem, durante uma reunião.

De acordo com o deputado, Wagner é uma das principais lideranças da Bahia e do Brasil para encabeçar essa luta. “A nossa defesa é para que os profissionais da linha de frente sejam imunizados, e que as trabalhadoras e trabalhadores que não foram beneficiados com o auxílio, tenham chance de reivindicar o seu direito” pontua.

O deputado já fez duas importantes indicações para prioridade na vacinação: trabalhadores do saneamento e da imprensa. Além disso, defende que todas as categorias que estão na linha de frente devem ser vacinadas.

Mais 20 milhões de brasileiros ficaram de fora do novo auxílio emergencial 2021. “E a falta de gestão e a irresponsabilidade do governo Bolsonaro, contribuíram para morte de 369 mil pessoas. Além desses dados estarrecedores, a nossa luta é pela garantia do beneficio aos trabalhadores e a defesa do valor de R$ 600 até o fim da pandemia”, completou.

Na oportunidade, um dia após o SFT ter feito justiça, inocentando Lula da perseguição politica de Moro, Bira destacou a importância política da parceria Wagner e Lula. “O alinhamento político destes dois líderes é fundamental para retirar o país deste verdadeiro caos chamado Bolsonaro. Eleger Lula presidente e Wagner governador é o caminho para geração de emprego, renda, educação e saúde, principalmente para o povo preto e pobre deste País”, finalizou

Sobre 71 Notícias

O 71 Notícias é um site contemporâneo, que traz para você os bastidores das notícias baianas e permite uma visão ampla sobre o cotidiano da Bahia e do Brasil.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Defensorias questionam à Prefeitura exigência de documentos para vacinação infantil

A Defensoria Pública da União e a Defensoria Pública do Estado solicitaram da Prefeitura de Salvador e da Secretaria Municipal ...